logo viver de bolo
botao planejamento para confeitaria

Olá, sou Fábio Seligra e neste vídeo eu conto como eu vi a empresa de meus pais nascer, crescer e morrer mesmo vendendo 34 mil sobremesas por mês.

E nestes 18 anos que passaram eu aprendi e vivenciei milhares de empresas abrindo e fechando por conta da minha gráfica que me fez aprender muito neste tempo. Quem quiser conhecer mais de nossos trabalhos nossa gráfica fica em Salvador e chama Formato8

Me deixa muito empolgada ver pessoas que querem empreender. Pessoas que as vezes saíram do zero. E que adoraria saber como viver de bolo fazendo o que mais ama na vida que é confeitaria. Você sabia que 93% das maiores empresas de doces começaram em casa?….

Clique aqui para ler…

Pode ficar tranquila(o) somos contra spam.

Olá sou Tâmara Ramos empreendedora, empresária, mercadóloga por profissão e apaixonada por confeitaria. 

Criei o Blog Viver de Bolo para ajudar você confeiteiro(a), a entender um pouco mais sobre vendas e marketing digital no ramo da confeitaria e assim ter sucesso em seu negócio.

 Aqui vou compartilhar dicas, cursos e soluções efetivas para levar a sua produção de doces reconhecida com uma doceria lucrativa e de sucesso! Então vamos lá, viver de bolo! Bjks

 Você pode nos enviar sua história, sua experiência, sua receita e divulgar GRÁTIS sua marca/nome/site aqui em nossa comunidade.

Olá sou Fábio Seligra fundador da Formato 8 (gráfica em Salvador desde 2002) 

Vim de uma família de empreendedores, cresci e colaborei na empresa do meu pai a Lê Pavê. Fomos pioneiros em 94 e fornecíamos sobremesas cerca de 70% dos restaurantes aqui em Salvador naquela época.

Chegamos a produzir 34 mil sobremesas por mês e por anos tivemos sucesso no empreendimento, até que um dia que tudo veio por água abaixo e quebramos. 

Meu pai vendia as sobremesas sem mostrar a logo nos copinhos. Então, ele decidiu por colocar a marca e FOI UM TIRO NO PÉ NAQUELA ÉPOCA.

Isso fez com que os  concorrentes  abrissem os olhos.  Mostrando à todos que era apenas uma empresa que fornecia as sobremesas.

As pessoas achavam que era o próprio restaurante que produzia rsrs. 

Mas isso é história para outra hora. Depois conto qual foi o maior erro e espero ajudar você a não cometer o mesmo.

Viver de Bolo · 2020 © Todos os direitos reservados